Tipos de estoques

 

Encontrar o melhor tipo de estoque que atenda as necessidades de seu negócio pode ser um grande passo para um inventário de sucesso onde se reduza os atrasos nas entregas e escassez de produtos. Um bom atendimento ao cliente é uma das principais vantagens competitivas atribuídas pelos concorrentes. E para isso, você não pode adiar a entrega e não ter recursos suficientes para atender satisfatoriamente seu cliente.

Sabemos que o planejamento, a organização e controle são fundamentais para manter o bom gerenciamento de estoque de qualquer negócio. Mas para que este processo seja bem alinhado e obtenha lucros, é necessário definir qual o tipo de estoque é o mais indicado para o seu negócio, para isso você precisa conhecer os principais tipos de estoques usados no mercado.

Mas você sabe o que é estoque?

Em geral, o estoque é a armazenagem de produtos que possuem a finalidade de serem comercializados pela empresa. que dependendo do seu perfil (comércio, indústria ou prestação de serviço) pode apresentar diversas características e formas de gerenciamento e controle de estoque. Além do que os produtos armazenados podem ser decisivos para resultados com lucros, por isso é tão importante manter o máximo possível a acuracidade de seu inventário.

Tipos de estoque: quais são e as principais diferenças

  • Estoque Mínimo (ou Ponto de Ressuprimento)
  • Estoque de Antecipação ( ou sazonal)
  • Estoque de Segurança (Safety Stock)
  • Estoque de proteção (ou estoque isolador)

Trata-se da maior quantidade de produtos que podem ser estocados no armazém, por um período previamente estipulado. Esse limite pode ser delimitado por conta do espaço ou por limite de verba.

É vantajoso, pois permite negociação de descontos por compra em maior quantidade.

É composto pela metade do estoque normal somado ao safety stock (estoque de segurança)

  • Estoque Mínimo (ou Ponto de Ressuprimento)

Representa a contagem de estoque mínima de um produto armazenado no estoque. É previamente determinado para que eventualidades não prejudiquem os pedidos de venda.

  • Estoque de Antecipação ( ou sazonal)

É usado quando ocorre uma variação previsível do estoque, quando o gestor já conhece a demanda sazonal. É muito comum em datas comemorativas para nivelar as flutuações e evitar a falta de produtos.

É usado para suprir falhas inesperadas na gestão do estoque, garantindo que o pedido do cliente seja atendido. É adotado em períodos em que ocorrem maior número de venda.

  • Estoque de Segurança (Safety Stock)

É um dos tipos de estoque indicados para evitar que flutuações inesperadas atrapalhem a entrega regular de mercadorias, mesmo diante de algum problema. Saiba o porque o estoque de segurança é um dos métodos mais usados nos armazéns de estocagem.

É quando os produtos ficam em posse da marca, mas continua pertencendo ao fabricante ou distribuidor, ou seja, a empresa só faz o pagamento quando o produto é comprado pelo cliente. E somente pelos produtos que tiveram saída. Essa é uma forma de controlar melhor o estoque e evitar prejuízos, já os produtos não vendidos podem ser devolvidos na data estipulada.

São os produtos que se tornaram obsoletos ou não foram vendidos, dentro do período pré estabelecido de análise.

  • Estoque de proteção (ou estoque isolador)

Usado para atender demandas acima do previsto, evitando que a empresa seja surpreendida e o cliente não seja atendido. Na contagem de estoque, são itens a mais que são comprados para permanecer no estoque e pode ser usado quando o fornecedor atrasa a entrega, por exemplo.

É a opção utilizada por empresas que possuem várias filiais. Nesse caso a gestão de estoque é feito por uma das filiais que armazena os produtos e encaminha para as demais, conforme as solicitações de demandas.

São as mercadorias que se encontram em trânsito, ou seja, que estão dentro dos veículos de transporte sendo levados para entregas feitas pela transportadora.

É uma das formas de terceirizar contagem de estoque. Ao receber o pedido de compra, a empresa envia a ordem de serviço ao fornecedor, que fica responsável por encaminhar o pedido ao cliente, em nome da empresa. É mais usado por empreendedores individuais e e-commerces.

Pode ser interessante: Porque fazer Inventário de estoque?

Gerenciamento de estoque

O estoque é fundamental para o comércio seja ele grande ou  pequeno. Mantenha-se atualizado sobre questões que possam levar à perda de produtos, clientes e conseqüentemente dinheiro. Quando você experimenta algo semelhante no seu negócio, é hora de agir de forma verdadeiramente assertiva.

É importante compreender os diferentes tipos de estoque para ter uma ideia das muitas oportunidades disponíveis para organizar e controlar o que impulsiona realmente o seu negócio, ou seja, seus produtos.

Você também pode usar outros métodos, como por exemplo, planilhas de controle de inventário e a curva ABC que pode classificar as categorias de seu estoque de acordo com a importância de cada produto.

2018-08-09T16:27:30+00:00

Leave A Comment