Portuguese English

Métodos de Controle de Estoque para Supermercados e Atacadistas

Métodos de Controle de Estoque para Supermercados e Atacadistas

Métodos de Controle de Estoque para Supermercados e Atacadistas

O controle de estoque possui um objetivo: Certificar que o inventário está disponível em todos os momentos, ao mesmo tempo garantir a rentabilidade do negócio. As quedas de estoque resultam em perda de receita, enquanto o estoque em excesso acarreta capital de giro e afeta a lucratividade. Diferentes modelos de negócios, exigirão diferentes métodos de controle de estoque, para atingir níveis de estocagem otimizados . Escolher o melhor método para o seu negócio, depende de uma série de considerações:

Velocidade na rotatividade de estoque

Quanto mais rápido o estoque se move através do armazém, maior o risco de falhas no estoque.  A rápida rotatividade do estoque, exigirá  maiores níveis de segurança no controle.

Número de Armazéns

Em uma operação de armazém múltiplo, cada armazém precisará ser considerado tanto como uma entidade separada, como parte de toda a operação, a rotatividade de estoque pode variar entre os armazéns, e os níveis de estoque devem ser coordenados em todas as operações.

Gama de itens de estoque e ciclo de vida do produto

Diferentes itens de estoque podem ter um ciclo de vida diferente, aqueles com menor durabilidade terão de ser movidos mais rapidamente através do armazém. No entanto, as variações na demanda por cada item também precisam ser levadas em conta, levando a uma abordagem híbrida para o controle de ações.

Questões atuais com controle de estoque

Estoques indisponíveis e estoques obsoletos são indicativos de problemas com os métodos de controle de estoque atual. Essas tendências no controle de estoques representam uma oportunidade de falhas por isso é fundamental a revisão dos procedimentos.

Tipos de métodos para o controle de estoque

Existe uma série de diferentes métodos de controle de inventário para otimizar a contagem de estoque em supermercado e atacados que visam obter um resultado rápido e eficiente, dentro deles estão inclusos:

  1. Quantidade fixa;
  2. Just in time (JIT);
  3. Níveis mínimo e máximo de estoque;
  4. ABC Inventory Control

1. Quantidade fixa
inventário de estoque em supermercado

Em cada ponto de reabastecimento, é feita uma ordem que compreende apenas os itens necessários. Isso pode ser os itens vendidos anteriormente ou os itens necessários para preencher futuros pedidos, embora isso minimize os custos de armazenamento, não leva em conta os potenciais atrasos ou picos de demanda, lembrando que a falta de estoque de segurança aumenta o risco de rupturas.

2. Just in time (JIT)

Em vez de usar pontos de reabastecimento, o estoque é ordenado somente quando necessário, evitando assim desperdícios. Isso é ideal para produtos de venda lenta ou especiais, economizando custos de armazenagem e mantendo espaço disponível, no entanto, ele não é adequado para itens de estoque de alta ou média demanda e usar uma abordagem JIT em uma organização, raramente é uma boa ideia.

3.   Níveis mínimo e máximo de estoque

Isso envolve manter os níveis de estocagem dentro de certos parâmetros, nesse método não é permitido cair o estoque abaixo do nível mínimo e nunca exceder o máximo determinado. Com uma demanda consistente, o estoque será otimizado e rodado regularmente, mas picos e depressões na demanda podem causar superlotação e quedas de estoque.

4.   ABC Inventory Control

Em vez de usar uma abordagem "tamanho único", o controle de inventário ABC envolve o agrupamento de cada item, de acordo com a demanda. Itens de venda rápida serão categoria "A", os de categoria “B” de venda média e categoria de itens de venda lenta "C".

Ao calcular a quantidade de ordem econômica correta (EOQ) para cada categoria, os níveis de estoque podem ser otimizados em todas as operações. Embora este seja o melhor método para controle de estoque, as categorias de itens e EOQs precisam ser ajustadas à medida que a demanda flutua e novos dados se tornam disponíveis.

Implementando Métodos de Controle de Inventário

gestão de estoque para supermercados e atacadistasA otimização de estoque bem-sucedida depende da implementação correta e das melhores práticas, incluindo:

Manutenção de estoque de segurança

Uma quantidade mínima de estoque de segurança, sempre precisará ser mantida em reserva, isso torna mais fácil manter o nível de satisfação do cliente alta, quando há flutuações na demanda ou atrasos na cadeia de suprimentos.

Armazém apropriado

Estoque de venda imediata deve ser o mais acessível para o armazenamento, carregamento e prateleiras devendo ser organizados para permitir que itens populares saiam facilmente pelo estoque. No entanto, o layout também deve ser adaptável a picos de demanda por itens de venda lenta.

Coordenação em armazéns

Ao coordenar todos os armazéns em sua rede, as falhas de estoque potenciais podem ser evitadas pela relocalização de itens de armazéns, com um excedente e evitar o excesso de estoque em outro lugar.

O que podemos fazer por você

Sua empresa está em busca de soluções inteligentes para aumentar o lucro e os resultados? Não sabe por onde começar? Deixe conosco, a Datasite possui uma larga experiência no ramo de gestão e contagem de estoques, contamos com uma equipe altamente qualificada para  otimização do estoque de sua empresa, atendemos pequenas e grandes empresas de diversos segmentos com soluções eficientes.  Saiba Mais! Entre em contato conosco.

Inscreva-se aqui e receba novas dicas